Disque CCR Barcas
0800 721 10 12
Para deficientes auditivos
0800 025 30 53

FAQ

Esclareça suas principais dúvidas sobre os serviços, operações e outras informações sobre a CCR Barcas.

Se sua dúvida não for esclarecida, você pode entrar em contato por meio do nosso Fale Conosco.

Clique sobre a pergunta para visualizar a resposta desejada.

ACHADOS E PERDIDOS

a - Em caso de perda ou dano de algum objeto, orientamos que o fato seja comunicado ao Serviço de Atendimento ao Usuário (estações).
b - Os documentos/objetos permanecem na empresa por 1 mês e depois vão para a Agência Central dos Correios, na Av. Presidente Vargas, Centro do Rio. Depois do mesmo prazo, os objetos são doados para instituições de caridade do Rio de Janeiro, de Niterói e de São Gonçalo. Alimentos (perecíveis ou não perecíveis) são descartados imediatamente.

ANIMAIS

a - O embarque de animais domésticos é permitido somente em bolsas apropriadas, casinholas ou com focinheira. 
b - O transporte é permitido em todas as linhas e em todos os horários, de acordo com a disponibilidade e lotação.
c - O transporte de animais em grande quantidade deverá ser submetido primeiramente à avaliação da CCR Barcas.
d - Exceção para cães-guia: sem restrições. Não precisarão ser transportados em equipamentos específicos.

 

AR CONDICIONADO EM CATAMARÃS SOCIAIS

O transporte social da CCR Barcas não prevê disponibilidade de sistema de ar condicionado. Para minimizar a sensação de calor nos catamarãs sociais, técnicos estão estudando uma forma de reduzir a temperatura no interior dessas embarcações. Para isso, cada catamarã precisaria ficar parado por até 60 dias, o que, neste momento, é inviável para a operação. Os 9 novos catamarãs refrigerados, adquiridos pelo Governo do Estado, também vão contribuir para que os usuários tenham mais conforto durante as travessias.

ATRASOS

Diferentemente dos demais transportes de massa, as barcas estão sujeitas às condições do tempo. Nevoeiros, chuvas, ventos fortes, mar revolto e força das marés, podem fazer com que as embarcações operem, por força dos procedimentos previstos nas regras internacionais de navegação, com velocidade reduzida, alterando o tempo médio da travessia. A grande quantidade de lixo na baía também influi na velocidade de travessia.

CONTRATO DE CONCESSÃO

O contrato de concessão tem prazo de 25 anos, com início em fevereiro de 1998, com possibilidade de prorrogação por outros 25.

FILAS

A formação de filas durante os horários de maior movimento acontece por conta do travamento eletrônico das roletas de acesso à estação. O travamento das roletas é uma medida de segurança para garantir que o número de passageiros a embarcar, não seja superior à capacidade da embarcação da vez.

GRATUIDADES

a - Pessoas com idade superior a 65:  Lei 10.741/03–pessoas acima de 65 anos tem direito a gratuidade, com apresentação prioritária do cartão RioCard Gratuidade Sênior ou Idoso.Usuários sem cadastro RioCard deverão apresentar documento que comprove a idade, com foto.

b -  Estudantes da Rede Pública ensinos Fundamental e Médio:  Lei 4.510/05–estudantes da rede pública, dos ensinos Fundamental e Médio, tem direito a gratuidade. É obrigatória a apresentação do cartão:

i. RioCard Gratuidade Escolar (nas linhas de Cocotá e Paquetá)
ii. RioCard Estudante Federal ou Identificação do Estudante (em Niterói, Cocotá e Paquetá)
iii. Não há gratuidade para essa categoria na linha Praça XV-Charitas.

c - Pessoas com necessidades especiais:  Lei 4.510/05–Pessoas com deficiência física comprovada têm direito a gratuidade, além de pessoas com doença crônica física ou mental, que exija tratamento continuado com respectivo acompanhante, desde que possuam passe especial contendo informação “com acompanhante”.

i. É obrigatória a apresentação do cartão  RioCard Especial, nas linhas de Paquetá e Cocotá.
ii. Na linha de Niterói, é obrigatória a apresentação do cartão RioCard Passe Especial.
iii. Não há gratuidade para essa categoria na linha Praça XV-Charitas. 

dGratuidade para menores de 5 anos: 
Crianças menores de 5 anos não pagam passagem, porém é necessário apresentar certidão de nascimento e estar acompanhado de um responsável.

e - Agente de Inspeção do Ministério do Trabalho e Previdência Social: Decreto-lei 5.452/53–Agente de Inspeção do Ministério do Trabalho e Previdência Social, em serviço, tem direito a gratuidade, apresentando identidade funcional.

f - Inspetores Navais da Capitania dos Portos:
Inspetores Navais da Capitania dos Portos, devidamente uniformizados e identificados, em ação de inspeção, tem direito a gratuidade.

g -  Agentes da Agetransp:
Contrato de Concessão (cláusula 23 § único)–Agentes da Agetransp, em serviço, têm direito a gratuidade, portando carteira ou crachá funcional.

 

HORÁRIO DA MADRUGADA

O transporte da linha Praça XV-Praça Arariboia, entre meia-noite e 5 horas, foi suprimido em comum acordo com o Governo do Estado. Tal medida decorreu da verificação da baixa demanda, que não atinge a quantidade mínima de passageiros para justificar o transporte de massa. 

LINHA DE SÃO GONÇALO

A linha aquaviária de São Gonçalo, apesar de não estar prevista no contrato de concessão, poderá ser estudada a médio e longo prazo, assim como outros trajetos possíveis. Mas o foco inicial da CCR Barcas é a melhora da qualidade das linhas atuais.

É importante explicar que para a implantação da estação hidroviária em São Gonçalo é necessária a desapropriação do local definido pelo Poder Concedente, além de investimento em dragagem.

A Linha 3 do Metrô atenderá melhor a população, visto que passará no centro de São Gonçalo.

MANUTENÇÃO DAS EMBARCAÇÕES

A frota da CCR Barcas passa por manutenção preditiva (com acompanhamento periódico dos equipamentos), preventiva (planejada para evitar ocorrências) e corretiva (reparos imediatos). Todas as embarcações da concessionária são mantidas em perfeito estado de conservação e estão totalmente aptas a operarem nas travessias, sendo vistoriadas regularmente pela Capitania dos Portos.

NOVAS EMBARCAÇÕES

Serão 9 catamarãs (7 de 2.000 lugares e 2 de 500), adquiridos pelo Gov. do Estado, e que começam a chegar a partir do fim de 2014.

PASSAGEIROS SENTADOS NAS ESCADAS

A CCR Barcas sinaliza as estações e as embarcações, orientando o usuário a cumprir regras de segurança durante a viagem e no embarque. Uma delas é para as pessoas não sentarem nas escadas durante a viagem. Além da mensagem veiculada pelo sistema de som das embarcações, os tripulantes são instruídos a pedir que os usuários não sentem nas escadas, mas não podem obrigá-los a sair.

SOBRE A CCR BARCAS

Empresa do Grupo CCR, a CCR Barcas é a quarta maior operação de transporte aquaviário do mundo, navegando cerca de 745 mil quilômetros por ano e transportando, em média, 80 mil passageiros por dia. A concessionária tem 19 embarcações, 850 colaboradores e opera seis linhas em cinco estações e três pontos de atracação.

SUPERLOTAÇÃO

A CCR Barcas não permite que ocorra superlotação em suas embarcações. A concessionária possui sistema eletrônico de contagem de passageiros que trava as roletas de acesso à estação, quando o número de pessoas a embarcar atinge a capacidade da barca da vez. Para reforçar ainda mais a segurança, a empresa dispõe de contagem manual de passageiros e marcações no piso, que servem para identificar aproximadamente a quantidade de pessoas prontas para embarcar.

TARIFAS

a - A tarifa das linhas sociais é R$ 5,00 com o Bilhete Único e R$ 5,90 sem o B.U.
b- A tarifa aquaviária turística das linhas da Divisão Sul (Mangaratiba-Ilha Grande-Angra dos Reis) é de R$ 16,60.
c-  A tarifa da linha seletiva Praça XV-Charitas é R$ 16,50.
d-  A tarifa da integração Itaipu-Charitas (Viação 1001) é R$ 23,38.
e- A tarifa da integração Centro-Jurujuba (Linha 33 / Viação Expresso Miramar) é R$ 18,36.

f- A tarifa da integração Centro-Charitas (Linha 17 / Viação Expresso Miramar) é R$ 18,36.
g- A tarifa da integração Fonseca-Charitas (Linha 62 / Viação Ingá) é R$ 18,36.